Benefícios do whisky para a saúde

Recentemente a internet entrou em convulsão ao saber que a Rainha Elizabeth bebe quatro drinks diferentes todos os dias. A rotina etílica da monarca inclui dry martini, gim com dubonnet, vinho e champanhe. Destes, três são consumidos à luz do dia, antes, durante e depois do almoço. Isso significa que durante seus compromissos reais, Elizabeth provavelmente está bem embriagada. O que explica, de certa forma, porque ela sai nas fotos sempre com o semblante lhano e aquele sorrisinho besta.

Talvez ela esteja apenas antecipando tendências. Afinal, gim entrou na moda há pouco tempo, mas a monarca já bebia muito antes de se tornar cool. Mas o mais incrível de tudo não é isso. O mais incrível é que a rainha da inglaterra tem 91 anos de idade. E apesar de visualmente não parecer nem um dia mais jovem, ela continua forte, saudável e absolutamente lúcida. Quer dizer, tão lúcida quanto uma pessoa que começou a beber gim antes do almoço pode aparentar. Por conta disso, muitos tem se perguntado qual a razão desta saúde inabalável.

Hipster

Porque falta de stress certamente não é. Como uma figura pública cujas responsabilidades transcendem muito o âmbito profissional, a rotina de Elizabeth é corrida e extenuante, ainda mais para uma senhora como ela. A genética talvez ajude. Basta lembrar que sua mãe, Isabel, faleceu aos cento e um anos. Porém, seu pai – o rei George VI – não viveu muito além de meio século, tendo falecido de problemas de saúde.

A nós, resta apenas conjecturar. Mas à rainha, suspeito que não. Porque se ela bebe tanto e já viveu tanto tempo, é bem possível que ela saiba de algo. Assim, resolvi seguir a tendência da mais conhecida figura real do mundo e pesquisar. Mas não sobre gim. Sobre a melhor bebida do mundo, o whisky. Os benefícios trazidos pelo whisky à saúde. Os resultados de minhas incansáveis – e ébrias – buscas seguem abaixo. É como dizem os ingleses – a dram of whisky a day keeps the doctor away (uma dose de whisky por dia te deixa longe do médico):

É LIGHT

É sério isso. Whisky não possui gordura e tem pouquíssimo sódio. Tudo bem que minha pança adquirida nos últimos anos ateste o contrário. Mas tenho certeza que não é culpa do whisky. Não, de forma alguma. A culpa é certamente do molho de mostarda com mel da salada. O molho da salada engorda demais.

Por isso a Kate é tão magra!

PREVINE A DIABETES

Pode parecer um contrasenso, mas não é. O website da fundação Livestrong – é isso mesmo, aquele das pulseirinhas amarelas – aponta também que o consumo moderado da bebida diminui a chance de desenvolver diabetes em 30 a 40 por cento. Este número foi apresentado em estudo conduzido pelo Dr. David J. Hanson. Não, não é aquele do grupo pop. É um médico pesquisador da Universidade de Nova Iorque.

PREVINE A DEMÊNCIA E ALZHEIMER

Há estudos que, discutivelmente, apontam que o whisky é um poderoso remédio contra a demência e o mal de Alzheimer. É claro, aqui a moderação é chave. Segundo a pesquisa, pessoas que consumiam até seis doses do destilado por semana tiveram os melhores resultados.  Este Cão acha que, como tudo na vida, há um trade-off: esqueça das coisas agora para lembrar melhor de outras no futuro. É quase um investimento a longo prazo. Aliás, o melhor deles.

Dorothy Howe concorda.

É NUTRITIVO

Tá, falar que whisky é nutritivo talvez seja uma hipérbole. Mas de acordo com o Dr. Jim Swan, em trabalho apresentado na EuroMedLab de Glasgow, em 2005, o whisky é rico em ácido elágico, também presente nas framboesas. O ácido elágico inibe certos cânceres, como de pâncreas, esôfago, pele, cólon e próstata. É claro que você sempre pode deixar o destilado para lá e comer framboesas. Mas duvido que framboesas te deixem tão feliz quanto whisky.

PREVINE DERRAMES

De acordo com um estudo da universidade de Harvard sobre bebidas alcoólicas, o consumo de whisky moderadamente pode auxiliar na prevenção de derrames e doenças cardiovasculares. Você até pode duvidar de alguns pontos deste texto. Mas vamos combinar que este é difícil de refutar. Afinal, é Harvard. Obrigado, Harvard.

Outro estudo, conduzido pelo Rowett Research Institute de Aberdeen, chegou a conclusão semelhante. Em nome da ciência, o instituto embriagou nove homens de formas diferentes. Alguns com single malt, outros com vinho, e outros com destilado não maturado (direto dos alambiques). Foi descoberto que os single malts forneceram a maior concentração de antioxidantes, importantíssimos para a saúde cardiovascular.

É FANTÁSTICO

Eu sou uma draga. Como já mencionei diversas vezes por aqui, tenho pouquíssimas restrições alimentares. Mas isso não significa que considere tudo delicioso. Como meus vegetais sem nenhum sacrifício e até gosto de alguns, como palmito, cebola e rúcula. Mas se você me fizer escolher entre qualquer deles e whisky, a balança penderá para este último. Talvez, só talvez, a rainha não saiba de nada. Ela bebe porque é bom mesmo.

25 thoughts on “Benefícios do whisky para a saúde

  1. Ótimo jeito de começar a semana! Minha avó também sempre gostou de um Whisky e até hoje, com 92 anos, ainda toma suas doses nos final de semana. Sempre brincamos que ela era conservada no álcool, agora descubro que tem um fundo de verdade 🙂

      1. Bebo whisky desde os 18 anos..hoje estou com 73 anos…saúde perfeita…Scotch é a “água da vida” !!! Excelente artigo de vocês! !! Parabéns! ! Gosto muito do Cutty Sark ..preço legal e acho a qualidade excelente. Quando posso compro um Old Parr 12 anos. PARABÉNS!!!!

    1. Opa! TUdo bem Rodrigo? Alguns pontos já indicam o nome das pessoas/pesquisadores/instituições. Precisa de algo mais detalhado? Posso tentar encontrar para voce! 🙂

  2. Como vai, mestre?
    Muito curioso e talvez nunca tenha comentado com vc, mas quando decidi que queria algo pra beber e fazer disto um hobby, eu acabei optando pelo whisky por ter lido sobre seus benefícios para saúde e por ter lido alguns dos seus textos por aqui hahaha.
    Mal sabia eu, que iria virar algo que hoje levo tão a sério e agradeço por não ter optado por Gim ou Vodka.
    Abraços!

    1. Hahahahahahahha! Pois é, saudável e bebendo coisa boa! Sabia que os fenóis dos defumados também ajudam a prevenir a gripe?

  3. Tudo com moderação meu caro! O whisky, assim como grande parte dos destilados em quantidade aceitável pelo organismo é benéfico para o sistema linfático reduzindo o risco de formação de coágulos e consequentemente o surgimento de AVC. A ingestão de uma ou duas doses de 50ml de whisky diárias, dependendo logicamente do IMC (Índice de Massa Corpórea) de cada indivíduo também mantém os níveis de HDL estáveis, ou seja regula o nosso colesterol bom. Por isso que não abandono meus Spirits. Felicidades!

  4. Eu sabia que essa minha predileção por whisky não era à toa. Kkkk Obrigado, Cão, pela oportunidade de saber de tão importantes pesquisas. Valeu!

  5. Ótima resenha! Mas independente dos efeitos físico-químicos positivos em nosso corpo, o melhor efeito é no nosso espírito (sem trocadilho)… afinal, como diziam os antigos, Mens Sana in Corpore Sana!

  6. Interessantíssimo! A muito venho me aproximando desta delícia, mas, após encontrar por acaso com suas informações Cão, passei a prestar mais atenção, e, consequentemente, passei a buscar sabores. Saber dos benefícios, só me alegra. Haha!!!

    1. Fantástico Simone! É uma bebida que causa dupla felicidade – a momentânea e a de longo prazo…rs!

  7. Excepcional! Amo cerveja,mas estava buscando uma bebida de fim de noite sem exageros. Mas,sou leigo. Qual Whisky é o adequado e mais saudável. Não entendo nada…sei q tem tal de bourbon e só. Me ajudam?

    1. Gustavo, acreditamos que o whisky mais saudável seja aquele que você gosta mais! Assim você fica mais feliz bebendo também! 😀

  8. Bebo whisky diariamente, são duas doses de 30 gramas ( meço pela doseira de inox) antes do almoço Não bebo fora desse horário. Tenho 74 anos e faço isso há anos e sempre me senti muito bem. Não tenho diabetes, hipertensão, colesterol nem triglicérides.
    Almoço bem.
    9

  9. Tenho 80 anos de idade e tenho problema de próstata benigna, porém levando varias vezes à noite para urinar, o que deixa-me sonolento durante o dia. Ouvi dizer que Wiski é um excelente remédia para o problema de prostata, isto é verdade, como comprovar isto? que tipo de wiski é recomendado para a cura de próstata?
    Atenciosamente
    José …

  10. Gostaria de começar essa dieta, tomando uma dose de 50ml. de whisky, inclusive já ouvi comentários sobre a bebida, mas vou pesquisar mais um pouco.
    Abraço!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *