Drops – Glenmorangie 18 Anos Extremely Rare

Glenmorangie 18

O que você faria ao se deparar com uma garrafa cujo rótulo diz “extremely rare” ou “extremamente raro”?

Bem, este é o caso do Glenmorangie 18 anos, produzido pela destilaria homônima localizada em Tain, na Escócia. E tudo bem que fora de nosso país ele nem seja tão raro assim. Mas continua sendo uma preciosidade.

O Glenmorangie 18 anos é maturado em uma combinação de barricas de carvalho americano que antes continham bourbon whisky, e de carvalho europeu, que maturaram vinho jerez. O processo consiste em maturar por quinze anos o destilado em barricas de ex-bourbon, e depois transferir aproximadamente 30% dele para barricas de ex-jerez. As duas partes então passam mais três anos nas diferentes barricas, até serem reunidas para criar o Glenmorangie 18 anos.

A destilaria Glenmorangie é conhecida por possuir os alambiques mais altos de toda a Escócia. Isso porque os primeiros alambiques da destilaria teriam sido comprados de uma fábrica de gim. Os atuais são reproduções maiores daqueles primeiros. A altura dos alambiques, aliada a seu formato, fazem com que apenas os vapores mais leves do processo de destilação cheguem ao seu topo, o que produz um whisky leve e elegante.

O resultado é um whisky sofisticado, com final frutado (frutas cristalizadas) cítrico e adocicado. Ainda bem que ele não é tão raro assim, não?

O Cão Engarrafado já fez a prova de vários Glenmorangies! Conheça-os aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.