Tullamore D.E.W. – Drops

Quando ela pedia whisky, sempre escolhia Tullamore Dew. Se você é fã de literatura sueca, provavelmente está familiarizado com a citação anterior. Ou não. Porque, também, há coisas mais importantes para atentar enquanto se lê um livro do que as preferências etílicas dos personagens. Quer dizer, a não ser que você seja eu.

A citação vem do bestseller “The Girl With a Dragon Tattoo”, miseravelmente traduzido como “Os homens que não amavam as mulheres”, talvez em uma brincadeira sem o menor sentido com um filme do Truffaut. Seja como for, o livro é um belo romance policial, que alçou fama após uma excelente adaptação do cinema sueco, e foi posteriormente (quase) arruinado por uma (quase) medíocre versão americana.

A frase faz referência ao whiskey preferido de Lisbeth Salander, uma das personagens centrais da trama. A referência ao Tullamore D.E.W. é tão importante – e relembrada ao longo da obra – que a Tullamore Dew a estampou em seu website por bastante tempo.

A Tullamore D.E.W. é a segunda maior destilaria de whiskey da Irlanda em volume de vendas – apenas atrás da Midleton, responsável pela Jameson. Ela foi fundada por Daniel E. Williams – por isso as iniciais D.E.W. – e atualmente pertence à William Grant & Sons, a mesma proprietária da Glenfiddich, Balvenie e da recente e monstruosa Ailsa Bay.

A Tullamore

O Tullamore D.E.W. é composto de três tipos de whiskey, se assim pudermos chamá-los. Malte de cevada, à moda dos single malts, grão destilado em alambiques de cobre, e grão destilado em destiladores contínuos. As três porções são produzidas praticamente sob o mesmo teto. A maturação e o engarrafamento também ocorrem in-loco, o que faz com que a destilaria tenha controle sobre praticamente todos os estágios de produção do whiskey.

Sensorialmente, é um whiskey leve, com notas herbais, de baunilha e caramelo. Não há fumaça, e o corpo é bem leve. Aliás, em matéria de aroma e sabor, é muito próximo de seu maior concorrente – o Jameson. E para apreciá-lo, você não precisa ser uma hacker durona. É um whiskey que não demanda qualquer esforço para ser bebido e que agradará a maioria dos paladares.

TULLAMORE D.E.W.

Tipo: Irish Whiskey

Marca: Tullamore

Região: N/A

ABV: 40%

Notas de prova:

Aroma: Frutado, adocicado, baunilha.

Sabor: Frutado, adocicado. Final médio, com caramelo, madeira e baunilha.

6 thoughts on “Tullamore D.E.W. – Drops

  1. Como sempre, parabéns pelo texto. O difícil desse T. DEW é encontrar pra comprar em alguma loja física ou virtual…

  2. Gosto do Jameson, mestre e gostaria de provar o Tullamore. Sempre há espaço para um irlandês no bar, não é mesmo?
    A propósito, gostaria de saber sua opinião sobre o whisky do McGregor: Proper Twelve. Pelo que vi, nada que valha a pena. Só não entendi o marketing em cima.
    Abraço!

    1. Mestre, INCRIVELMENTE NUNCA BEBI. Mas ouço reviews mistos. Imagino que seja um custo-benefício razoável!

  3. Excelente artigo, como sempre!
    Pena este whiskey não ser importado para o Brasil…
    Ah, uma ligeira observação, se me permite: talvez esse não seja o caso de criticar a tradução brasileira do título do livro, uma vez que seu título original, em sueco, é “Män som hatar kvinnor”, ou, como literalmente traduzido pelos portugueses “Os Homens que Odeiam as Mulheres”. Sendo assim, o nosso título ficou até que próximo do original. Dessa vez foram os anglófonos que deram uma de brasileiros na tradução.
    Hahaha
    Grande abraço

    1. Felipe, olha só, por essa não esperava. Você jura que o titulo original é mais próximo do portugues? Bem, agora assumo que acho o nome original do livro muito ruim! rsss!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *