Lamas Nimbus Caledonia – Lançamos um whisky!

Se você gosta do Ashton Kutcher, talvez esteja familiarizado com uma importante conceito da teoria do caos. O Efeito Borboleta. De uma forma (bem) simplificada, a formulação estabelece que pequenos eventos podem ter efeitos não-lineares em sistemas muito complexos. Por não-lineares, leia-se, enormes ou insignificantes. Deixa eu dar um exemplo, sem usar o clichê da tal borboleta que causa um furacão.

Há um provérbio alemão – mais tarde transformado em verso por Benjamin Franklin – que conta a história de um prego solto na ferradura de um cavalo. Um prego que poderia ter causado a queda de um cavaleiro, que levaria à ruína de uma batalha, que desembocaria na perda de uma guerra, e finalmente, na destruição de um reinado. Ou não. Porque, considerando todas as infinitas variáveis daquele momento – dentre elas um único prego na ferradura de um cavalo – seria impossível de dizer ao certo.

E foi provavelmente, por conta do Efeito Borboleta – desta vez, em nosso favor – que lançamos um whisky. Sim, nosso primeiro whisky, com o rótulo do Caledonia Whisky & Co – nosso bar em São Paulo. O Lamas Nimbus Caledonia. Um single malt produzido em Minas Gerais pela destilaria Lamas. Uma edição limitada a duzentas e cinquenta garrafas de um litro – inteiro, pra não ter miséria – numeradas.

Detalhe da numeração

A história do Lamas Nimbus Caledonia é engraçada. Em 2014 criamos um blog de whisky com uma pegada de coquetelaria e cerveja – porque a gente sempre gostou de beber whisky, coquetel e cerveja. Desde então, o blog deu uma crescida. E o mercado brasileiro também. Novas destilarias foram fundadas, e antigas destilarias lançaram novos produtos. Eventos, feiras e palestras (de cerveja, whisky e coquetelaria) aconteceram. Dentre elas, o Bar Convent Brasil, em 2018.

E foi lá, que por uma conjunção de fatores imprevisíveis, que conhecemos a Lamas Destilaria. Não haveria outra forma de explicar o encontro, senão pelo efeito borboleta. A fundação de uma destilaria em Minas Gerais, que teria se interessado por participar de um evento em São Paulo voltado para o mundo dos coquetéis. Ao mesmo tempo que nós, desavisados, recebíamos o convite para palestrar lá. Um prego no pneu do táxi, um voo atrasado, poderia ter mudado tudo. Mas não mudou. E de uma conversa no primeiro dia, lá, no meio da feira, surgiu essa criança – que, nos próximos dois anos, na base do diálogo e troca de amostras, nasceu.

O Lamas Nimbus Caledonia compartilha as mesmas bases do Lamas Nimbus (defumado) e do Verus (frutado). É um single malt que junta new-makes defumado e não defumado, finalizado por quase um ano em barricas de carvalho que antes contiveram vinho licoroso, semelhantes a vinho do porto. A graduação alcoólica – tema de bastante discussão – é de 50%. Para garantir que o bebedor possa prová-lo como preferir. Com ou sem água.

A parcela enfumaçada do malte do Lamas Nimbus Caledonia passa por um curioso e inovador processo de defumação usando madeira de reflorestamento. A destilaria umedece novamente os grãos secos do malte, para, em seguida, os secar de novo num defumador projetado especialmente para esse trabalho. A madeira, quando queimada, libera compostos com aldeídos e fenóis, tornando o malte enfumaçado – um enfumaçado bem diferente daquele da turfa. Mais picante e amadeirado, e menos medicinal.

Alambiques da Lamas

Sensorialmente, o Lamas Nimbus Caledonia remete ao Nimbus tradicional – com sua característica fumaça de incenso. Porém, a finalização em vinho fortificado reduz a sensação defumada. A graduação alcoólica eleva o dulçor, mas também o apimentado. O retrogosto é longo, e remete a incenso, pimenta e cerejas em calda, com uma boa parcela de iodo. É um whisky bem intenso – mas achamos que essa itensidade funcionou muito bem com a influência vínica.

O Lamas Nimbus Caledonia está à venda no nosso bar em São Paulo, o Caledonia Whisky & Co., e em breve por contato direto com a destilaria. O preço é R$ 230,00 – pelo litro, lembrem-se disso. Além dele, o bar também possui, para São Paulo, doses de todos os whiskies do portfólio da Lamas – Nimbus, Verus, Plenus e Canem.

Efeitos não-lineares podem ser causados por pequenos eventos. Como, por exemplo, você, querido leitor, que, ao ler esta prova, descobriu a existência de nosso whisky. Foram centenas de pequenas coincidências – lançarmos um blog, termos um whisky, você gostar de whisky, e ter o mau gosto de nos ler. Então, se me permite uma sugestão para prestigiar este momento – Prove o Lamas Nimbus Caledonia. Ou não. Afinal, um prego na ferradura de um cavalo pode mudar o curso de uma guerra.

LAMAS NIMBUS CALEDONIA

Tipo: Single Malt

Destilaria: Lamas

País: Brasil

ABV: 50%

Notas de prova:

Aroma: baunilha, caramelo, um enfumaçado de lareira, cedro, cerejas e figos em calda.

Sabor: Frutas em calda – cerejas, ameixas e figos. Fumaça de incenso. O final é longo e progressivamente defumado, com iodo e pimenta do reino.

Onde encontrar: compre na Caledonia Store

8 thoughts on “Lamas Nimbus Caledonia – Lançamos um whisky!

  1. Vi o review desse whisky no canal do Tierri e tratei logo de adquirir um exemplar, tendo em vista que amei o Magnus e não deixaria essa experiência passar.
    A unica frase que posso falar sobre o Caledônia é:
    Ô Trem Bão, Sô!

  2. Comprei e recebi hoje, whiskey incrível. Eu espero que não seja a única vez a prova-lô. Parabéns pelo produto!!!!

  3. Acabei de comprar na loja online de vocês, sempre usei seu blog para ler reviews de possíveis compras minhas, ainda que um iniciante, desde que fui para Escócia tenho uma certa preferência pelos defumados.

    Que os 5 dias úteis passem rápido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *