Glenfiddich Fire & Cane – Drops

A primeira dose de 2019 para o Cão Engarrafado. Queria algo que fugisse do óbvio, mas que, ao mesmo tempo, trouxesse alguma familiaridade. Algo que se relacionasse com o espírito do ano novo. Aquela sensação de renovação, mas alicerçada nas mesmas convicções e atitudes. Enfim, algo que soasse novo, experimental, mas que na verdade fosse apenas uma visão, por outro ângulo, de algo conhecido. Não demorou muito para me decidir. Escolhi o Glenfiddich Fire & Cane.

O Glenfiddich Fire & Cane é a quarta expressão da Glenfiddich Experimental Series – da qual fazem parte também o Project XX, Winter Storm e IPA Cask, já revisto nestas páginas caninas. Como sua intuição semântica já deve ter indicado, a série se dedica a whiskies com alguma característica considerada, pela Glenfiddich, como experimental. Uma finalização incomum – como no caso do IPA – ou um processo de blending inusual, como o Project XX.

Experimental Series

No caso do Glenfiddich Fire & Cane, o alegado experimento fica por conta de duas características. A primeira delas é o uso de barricas de rum para finalização – provavelmente Wood’s ou Sailor Jerry, que fazem parte do portfólio da William Grant & Sons. A destilaria não divulga o tempo exato de finalização, mas a influência do rum pode ser notada claramente, especialmente no aroma do Fire & Cane. A segunda é a utilização de malte defumado. Algo comum para certas destilarias, mas bastante raro no caso da Glenfiddich.

Este Cão, porém, têm dificuldade de ver onde o Fire & Cane é experimental. Especialmente para a Glenfiddich, não há muita novidade. Basta lembrar que o maravilhoso Glenfiddich 21 anos é também finalizado em barris de rum. E que o Caoran Reserve, Glenfiddich Vintage Cask e  a edição comemorativa do 125º aniversário também utilizam malte turfado, que traz a sensação de fumaça. Assim, são duas técnicas que a destilaria possui larga experiência. De experimental, o Glenfiddich Fire & Cane talvez tenha apenas o nome. Com uma certa boa vontade interpretativa, poderia dizer que é a comunhão das duas técnicas em um único líquido.

125th Anniversary Edition. Defumado diplomado.

Seja como for, o Glenfiddich Fire & Cane é um whisky bem bom. O defumado – um defumado seco, pouco medicinal – é muito bem complementado pelo dulçor frutado da finalização em rum. E ainda que o nome sugira um whisky intenso, o Fire & Cane é dócil e extremamente palatável. Talvez, até demais. Na opinião deste Cão, o Fire & Cane se beneficiaria de uma graduação alcoólica mais alta do que seus 43%, algo capaz de introduzir uma certa pimenta, uma agressividade que completaria o tema enfumaçado e frutado.

Mas apesar destas inofensivas observações, há algo irrepreensível em relação ao Fire & Cane. Algo que muitos podem considerar frívolo, mas que está longe de ser. Seu visual. A garrafa é uma das mais belas que este Cão já viu. Ao vivo, ela é ainda mais impressionante. Mesmo ao lado de ampolas belíssimas, como o Glenmorangie Signet, o Fire & Cane se destaca de uma forma elegantemente desafiadora. Talvez seja isso. Talvez seja aí que esteja sua característica mais experimental. É impossível estar na presença de uma garrafa e não se sentir tentado a provar uma dose.

Você já deve ter adivinhado que o Glenfiddich Fire & Cane não virá ao Brasil. Nenhuma das expressões da Experimental Series desembarcou por aqui. Porém, nos Estados Unidos e em alguns países europeus, ele é uma garrafa fácil de se encontrar. E mesmo que não tenha muita coisa de experimental ou inovador- assim como seu ano novo – é uma dose capaz de trazer todo otimismo do recém-iniciado ano.

GLENFIDDICH FIRE & CANE

Tipo: Single Malt Whisky sem idade definida

Destilaria: Glenfiddich

Região: Speyside

ABV: 43%

Notas de prova:

Aroma: Frutado, com pera, coco e caramelo torrado.

Sabor: Frutado, com coco e toffee. Final levemente apimentado, com mel, coco e fumaça.

Preço: USD 60,00 (sessenta dólares – fora do Brasil)

4 thoughts on “Glenfiddich Fire & Cane – Drops

  1. Prezado Maurício, nunca comprei whisky nos EUA. Onde se encontra esta garrafa em Miami, lojas especializadas ou é algo que se acha nos Walmarts da vida? Obrigado!

  2. Como vai, mestre? Bom, aliar característica turfada e influência de cascos de rum, não me parece experimento. Me parece uma ótima ideia haha. Tenho carinho pela Glenfiddich, pois o 15y foi meu primeiro SM.
    Abraço!

    1. Também gosto muito deles. São grandes e destemidos. E ainda que não seja exatamente uma inovação, eles tem um portfolio bem diversificado 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *